Six Days Enduro 2019: brasileiros completam o primeiro dia

Postado em 12 de novembro de 2019.

ISDE2019-composite

Os brasileiros completaram o primeiro dia do Internacional Six Days Enduro sem maiores problemas. Dessa forma, a Seleção Brasileira ocupa a 16ª colocação e a Seleção Júnior está na 10ª colocação.

%5B0%5DSixDaysEnduro2019Dia1CreditoJanjaoSantiago-007.JPG

Gustavo Pellin participa pela terceira vez consecutiva do Six Days representando a seleção brasileira. Foto: Janjão Santiago

_____________________________________

Com a participação de mais de 650 pilotos de cerca de 30 países, teve início nesta segunda-feira (11/11) a 94ª edição do Internacional Six Days Enduro. Gustavo Pellin, Maurício Fernandes, Vitor Garcia e Jesus Fernandes concluíram o primeiro dia sem maiores problemas, apesar de enfrentarem frio e chuva durante a prova. O percurso deste primeiro dia foi de 280 kms, com sete especiais cronometradas.

 

Brasileiros surpreendem no Six Day Enduro

O gaúcho Gustavo Pellin, representando a seleção pelo terceiro ano consecutivo, enfrentou algumas dificuldades, principalmente nas especiais de areia. “Foi um dia bom, consegui completar sem muitas dificuldades e sem quedas, mas não andei nem perto do que gostaria e do que sei que posso andar. Tive bastante dificuldades nas especiais de areia, mas na especial de pedras flui melhor. Sofri muito neste primeiro dia, mas o balanço é positivo, conseguimos completar, pois é o nosso objetivo principal. Vamos ver como vai ser neste segundo dia”, explicou.

Participando pela primeira vez de um Six Days, o piloto da MXF Motors Vitor Garcia gostou do terreno e das especiais deste primeiro dia. “A prova foi bem dura e longa, mas com especiais bem bacanas e muito bem montadas. Gostei muito de andar nas especiais, mas com a quantidade de motos, as especiais ficaram muito esburacadas, com cavas grandes, difíceis de andar, mas eu gostei bastante. O deslocamento não tem muita dificuldade, porém é muito longo e isso é o que mais desgasta. Por isso, tô muito satisfeito com meu desempenho, o objetivo foi cumprido, errar o mínimo possível, sem quedas, e chegar com a moto inteira no final do dia”, completa.

 

Imprevistos e resultados

Maurício Fernandes andou bem durante todo o dia, mas acabou caindo na última especial e com isso se atrasou e levou uma penalização de um minuto. “Hoje foi um dia bom, mas bastante puxado, a chuva atrapalhou bastante, os óculos toda hora embaçando, mas deu pra andar legal. Procurei andar no meu ritmo, mas na última especial tomei uma queda leve, mas que entortou o pedal de marcha. Com isso atrasei um pouco e acabei tomando uma penalização de um minuto no pré-finish. Mas no geral foi um bom dia, cumpri meu objetivo principal, que era finalizar bem, sem atrasar nos Controles Horários”, explicou o paulista.

Entrando de última hora na equipe, em substituição ao mineiro Nielsen Bueno, que se lesionou, Jesus Fernandes “Sucito”, contudo, enfrentou vários problemas durante o dia e levou algumas penalizações de tempo.

 Dessa forma, a Seleção Brasileira ocupa a 16ª colocação ao final do primeiro dia. Nos resultados individuais, contudo, Vitor Garcia é o 40º e Mauríco Fernandes o 41º na E1,  Gustavo Pellin o 36º na E2, e Jesus Fernandes o 25º na E3. 

Seleção Júnior 

A Seleção Júnior começou o Six Days com algumas dificuldades, principalmente pela chuva e as especiais de areia. Entretanto, conseguiu a 10ª colocação neste primeiro dia de prova. O capixaba Bruno Crivilin foi o melhor colocado, com a 20ª colocação na categoria E1. Gabriel Soares foi o 29º e Nicolas Rodriguez o 37º na categoria E2. 

Clubes

O Clube Brasil, representado pelos pilotos José Manuel Simas, Manuel Francisco Correia e Willian Almeida Junior ocupa, assim, a 123ª colocação entre os clubes.

Neste primeiro dia de prova os pilotos percorreram 280 kms – no total, serão 1.500 quilômetros. Para o segundo dia, contudo, os pilotos repetirão o mesmo percurso do primeiro dia. O terceiro e quarto dias tem percurso diferente, de 310 km. No quinto dia os pilotos encaram percurso inédito de 280 km. O sexto dia, afinal, é destinado a uma prova no estilo motocross, para definir os campeões da 94 edição do Six Days.

Resultados – 94º International Six Days Enduro – Primeiro Dia

World Trophy

1 – Austrália

2 – Estados Unidos

3 – Itália

4 – Inglaterra

5 – Finlândia

16 – Brasil

Júnior Trophy

1 – Austrália

2 – Estados Unidos

3 – França

4 – Itália

5 – Inglaterra

10 – Brasil

 

Categoria E1

1 – Josep Garcia

2 – Ryan Sipes

3 – Eero Remes

4 – Theo Espinasse

5 – Luke Styke

20 – Bruno Crivilin

40 – Vitor Garcia

41 – Maurício Fernandes

 

Categoria E2

1 – Taylor Robert

2 – Kailub Russel

3 – Fraser Highlet

4 – Davide Guarnieri

5 – Ben Kelley

29 – Gabriel Soares

36 – Gustavo Pellin

37 – Nicolas Rodrigues

 

Categoria E3

1 – Daniel Sanders

2 – Rudy Moroni

3 – Steward Baylor

4 – Alex Snow

5 – Daniel McCaney

25 – Jesus Fernandes

 

Geral

1 – Daniel Sanders

2 – Josep Garcia

3 – Ryan Sipes

4 – Taylor Robert

5 – Kailub Russel

54 – Bruno Crivilin

71 – Gabriel Soares

92 – Gustavo Pellin

94 – Nicolas Rodrigues

102 – Vitor Garcia

105 – Maurício Fernandes

108 – Jesus Fernandes

%5B0%5DSixDaysEnduro2019Dia1CreditoJanjaoSantiago-011.JPG
Maurício Fernandes completou o primeiro dia do 94º Internacional Six Days Enduro. Crédito: Janjão Santiago. 

_____________________________________

%5B0%5DSixDaysEnduro2019Dia1CreditoJanjaoSantiago-013.JPG
Apesar do frio e chuva, o mineiro Vitor Garcia gostou das especiais e percurso do primeiro dia de competição. Crédito: Janjão Santiago.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

© 2021 Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Visuality